30/05/2018 14h16 - Atualizado em 30/05/2018 14h17

Governador recebe cônsul e apresenta oportunidades de negócios

Foto: Leonardo Duarte/ Secom-ES

No final da manhã desta quarta-feira (30), o governador Paulo Hartung recebeu a cônsul-geral da Noruega, Sissel Hodne Steen, para debater oportunidades entre os capixabas e noruegueses. Entre as oportunidades debatidas estão a Escola Viva, iniciativas no meio ambiente, indústria de gás e petróleo, além do setor de madeira e celulose. O encontro foi realizado no Palácio Anchieta, na Cidade Alta, em Vitória.

O governador destacou que já visitou o país nórdico da Europa com objetivo de estreitar parcerias entre os poderes públicos e privados. “Temos grandes possibilidades para interagirmos mais e montarmos novas parcerias entre o Espírito Santo e a Noruega”, salientou durante a reunião de trabalho.

Durante a conversa com Paulo Hartung e membros da equipe de Governo, Sissel Hodne Steen relatou que tem realizado uma série de instituições ligadas ao setor produtivo e a classes empresariais. A cônsul-geral revelou que, durante a estadia no Espírito Santo, visitou a unidade da Escola Viva de Santo Antônio, em Vitória.

“Fui muito bem recebida e foi uma experiência maravilhosa. Os profissionais que trabalham lá e alunos foram muito delicados. Acredito que é um projeto muito importante para o Estado e o país. Sem este tipo de projeto é difícil o país se desenvolver”, opinou Sissel Steen.

A cônsul-geral enfatizou que para a Noruega, o Brasil é muito importante e o consulado está com uma demanda crescente das empresas norueguesas que atuam no Estado, principalmente na cadeia de petróleo e gás. “Visitamos muitas empresas que estão com atividades no Estado.  Atualmente, somos o oitavo maior investidor do Brasil”, revelou Steen.

Diplomacia ativa

As visitas diplomáticas e missões desenvolvidas pelo governador Paulo Hartung fazem parte de uma estratégia do Poder Executivo Estadual, que quer priorizar a diplomacia ativa, ferramenta para promover uma inserção mais competitiva de produtos e serviços do Espírito Santo aos mercados internacionais, para divulgar o potencial do Estado como destino turístico e de investimentos, além de fomentar vínculos e conexões entre arranjos econômicos e cadeias produtivas capixabas que tenham vocação externa. Quase metade do Produto Interno Bruto do Espírito Santo está relacionado, direta ou indiretamente, ao setor externo, e é muito natural buscar oportunidades no exterior.

 

Informações à Imprensa

Assessoria de Comunicação do Governo do Estado

Leonardo Nunes

(27) 9.99445215

2015 / Desenvolvido pelo PRODEST utilizando o software livre Orchard